901
Páginas Visualizadas Hoje

Autor: Carlos Alberto - Data: 22/05/2019 18:06

Cerimônia especial marca os cinquenta e cinco anos do curso de Pedagogia em Guaxupé

Formandas da turma de 1967, homenageadas pelo Unifeg, são fotografadas junto a autoridades e educadores atuais, daquela instituição
Facebook Twitter LinkedIn Google+ Addthis Cerimônia especial marca os cinquenta e cinco anos do curso de Pedagogia em Guaxupé

Uma cerimônia especial, realizada nesta segunda-feira, 20 de maio, na sede das escolas da Fundação Educacional Guaxupé, marcou os cinquenta e cinco anos do curso de Pedagogia, mantido pelo Unifeg. Pioneira na região, respeitada por conta da qualidade e apontada como uma das (se não a) mais fundamentais para a Educação, a área em questão envia, todos os anos, professores diferenciados ao mercado de trabalho.

A solenidade foi presidida pelo reitor do Centro Universitário, professor doutor Reginaldo Arthus, o qual dividiu uma mesa diretora com o presidente da Câmara Municipal, vereador Leonardo Donizetti de Moraes, além da atual coordenadora da Pedagogia/Unifeg, professora mestra Marilda Rabello Ribeiro do Valle, a diretora do Colégio Dom Inácio, professora mestra Juliana Cristina Costa, e o sargento D’ávila, do 4º Pelotão do Corpo de Bombeiros de Guaxupé.

O evento comemorativo foi marcado pelas homenagens às formandas da 1ª turma do curso, na época da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras – FAFIG, em 1967. Posicionadas em local de destaque, no Auditório Elias José, as educadoras emocionaram-se com o gesto do Unifeg: “Eu olho para estes rostinhos, com tanta gente nova e promissora. Me dá muito orgulho, pois vocês terão um desafio enorme pela frente. Por isto, peço que sigam seus corações, suas convicções e sejam felizes, ensinando e aprendendo”, ponderou Maria Aparecida Guidorizzi, a “Cida”, como é conhecida a ex-aluna da Pedagogia/Unifeg.

Numa noite mais do que especial, o auditório foi abrilhantado por declarações de educadores sobre o tema central do encontro: “Vivemos numa época preocupante, em termos de valores, mas não podemos nunca nos esquecer de que os professores são de uma importância nobre na vida da sociedade”, disse Arthus. “Eu coordeno o curso de Bombeiros Mirins e sei da responsabilidade do professor. Aliás, sem ele não teria nenhum outro profissional”, participou D’ávila. “Não poderíamos, jamais, deixar esta data mais do que especial passar em branco. Há muito a se comemorar e ainda mais para se fazer. Portanto, sigamos em frente”, complementou a coordenadora, Marilda Rabello.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.







Quem Somos

Redação: R. Dr. Joaquim Libânio, nº 532 - Centro - Guaxupé / MG.
TELs.: (35) 3551-2904 / 8884-6778.
Email: [email protected] / [email protected]