1186
Páginas Visualizadas Hoje

Autor: Carlos Alberto - Data: 28/05/2018 08:15

Guaxupé amanhece sem coleta de lixo e limpeza pública

Prefeitura notificou a nova empresa com veemência, haja vista que empresa teve vinte e cinco dias para se preparar
Facebook Twitter LinkedIn Google+ Addthis Guaxupé amanhece sem coleta de lixo e limpeza pública

A Macchione Projeto, Construção e Pavimentação, que venceu a licitação para realizar o serviço de coleta de lixo e limpeza pública em Guaxupé, descumpriu o combinado com a Prefeitura, de iniciar os trabalhos neste domingo, 27 de maio. Motivada pela greve dos caminhoneiros e uma suposta falta de estrutura por parte da firma em questão, a negativa foi recebida com estranheza por parte da municipalidade, que notificou a empresa.

Os problemas da Macchione foram detectados por membros de secretarias municipais, os quais visitaram a empresa nesta sexta-feira, 25 de maio. Na ocasião, depararam com o barracão vazio (sem os devidos equipamentos, veículos e mobílias). Como justificativa, por email, o jurídico da terceirizada apontou a paralisação dos caminhoneiros, iniciada há uma semana, como empecilho (faltam combustível para a locomoção dos transportes, conforme alegou a direção da firma).

Substituta da Constroeste, que perdeu o processo licitatório, a Macchione ainda não está, conforme a Prefeitura, regularizada documentalmente, considerando que lhe falta a Inscrição Municipal para iniciar, devidamente, suas atividades em Guaxupé: “A greve não pode ser considerada empecilho ou motivo para o não início dos trabalhos, haja vista que tiveram tempo suficiente para a instalação, em 25 dias após a assinatura do contrato e, nem mesmo prosseguiram com a documentação”, afirmou a comunicação social da Prefeitura, que emitiu nota sobre o assunto.

Evidentemente preocupado com a situação, o prefeito Jarbas Corrêa Filho (Jarbinhas) determinou que sua Secretaria Jurídica tome as providências cabíveis, com vistas ao início das atividades da Macchione e o atendimento pleno à população. Isto, principalmente porque, neste sábado, 26 de maio, a nova contratada reafirmou a impossibilidade de iniciar os serviços: “O governo municipal pede a compreensão de toda a população diante desta situação. O jurídico da Prefeitura está trabalhando para que tudo possa ser solucionado o mais rápido possível”, informou o gestor público local. – O Jornal JOGO SÉRIO tentou falar com a Macchione, mas até agora sem sucesso.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.







Quem Somos

Redação: R. Dr. Joaquim Libânio, nº 532 - Centro - Guaxupé / MG.
TELs.: (35) 3551-2904 / 8884-6778.
Email: [email protected] / [email protected]